quarta-feira, 16 de maio de 2012

O gênero textual conto

Conceito Básico:

São narrativas ficcionais onde prevalecem a narrativa, ou seja, o conto apresenta uma sucessão de acontecimentos ,envolvendo um número limitado de personagens.
Há outros gêneros de texto que apresentam as mesmas características dos contos, entre eles a notícia e a crônica, onde a primeira tem como base manter o compromisso com a verdade, sendo imparcial, e não-ficcional; a segunda se assemelha com o conto, mas tendo intenções diferentes, mas possuem a mesma estérica de entreter e ensinar algo.
Todos os contos são ficcionais, exceto as narrativas policiais, contos que são baseados em fatos reais, e os que queiram demonstrar algo cotidiano, como a reportagem e o editorial.

Características:

Existem vários tipos de contos, que são estórias e não histórias, pois a primeira diz respeito apenas as narrativas de cunho ficcional, e histórias refere-se a narrativas onde os fatos são comprovados pela ciência, documentados e convencionada por algum grupo ou público científico.

TIPO                            EXEMPLO                            DEFINIÇÃO                       CARACTERÍSTICA

Narrativas         -----    Contos tradicionais    >>>>     Estória                            >   Contadas
Ficcionais                                                                                                                Narradas

Narrativas         -----    Histórias, fatos,          >>>>    História                           >   Documentadas
Não-ficcionais              Narrativas estudadas                                                           Comprovadas
                                                                                                                               Cientificamente

Tipos básicos:

Existem vários tipos de contos muitos comuns e amplamente usados pelos escritores, por ser um gênero muito antigo e versátil, eles são comumente divididos em contos populares (da tradição oral) e os contos literários.

Conto popular: é o relato produzido pelo povo e transmitido geralmente por meio da linguagem oral, o que mais se destaca "é o conto folclórico, também chamado de a estória, o causo (comum no interior paulista), onde ocorre no contexto do maravilhoso e até o sobrenatural" (Câmara Cascudo, 1954).
Apresentam temas diversos, mostrando a riqueza e criatividade do povo brasileiro, a maioria das histórias são adaptações das narrativas europeias e afro-lusitanas e as demais nativas.
Alguns desses contos ganham forma escrita, enquanto os demais são repassados oralmente, quando passam para a escrita, eles perdem características da fala, modos de dizer, expressão de um povo, grupos, a entonação, e outras marcas próprias, que são substituídas pela forma gramatical.

Conto literário: é um tipo ficcional que já nasce com uma formatação escrita, e com uma autoria definida. Por se tratar de uma obra de curta extensão, as personagens e as situações são menos complexas, do que o romance e a novela.
É o mais abrangente dos gêneros, pois elas duram por mais tempo, sobrevivendo na escrita, e por serem de autoria determinada.

Prática:

Você se lembra de alguma experiência marcante relacionada ao ato de contar ou ouvir histórias?

Atividade:

Escreva em seu caderno e depois conte-a para seus colegas, e socialize junto com o professor, buscando entender e diferenciar o tipo de texto.


Aulas 1 e 2 - Português - Bimestre II - 5º Período EJA
Prof.º Graduado Alessandro de Oliveira Arantes (NAESM/UERN/EMBNT)
Escola Municipal Benvinda Nunes Teixeira - Guamaré-RN

4 comentários: